Prensa de pastilhas PP 40

Close

Language:


Pastilhas sólidas e de alta qualidade são um pré-requisito importante para análises XRF confiáveis e significantes. A PP 40 da RETSCH é uma prensa de pastilhas que produz pastilhas de superfície lisa fortes. A PP 40 possui ajuste individual de força de pressão de 5 a 40 t. Além de controlar a força de pressão, ela também determina o tempo de intensificação, sustentação e liberação da força durante a prensagem. Isto reduz as tensões internas na amostra e garante que mesmo materiais difíceis sejam prensados com perfeição.

Exemplos de aplicação

cimento, escória, matérias primas, minérios, minerais, ...

Vantagens dos produtos

  • ajuste individual de força de compressão para até 40 toneladas
  • prensagem em anéis de aço, copos de alumínio e livre
  • controle automático da força de compressão
  • ferramentas de prensagem para vários diâmetros
  • Possibilidade de definir e gravar 32 POPs para aplicações rotineiras
  • Confortável ajuste de parâmetros por meio de display e ergonômico comando de botão único

Características de desempenho

Aplicação preparo de pastilhas para espectrometria
Campo de aplicação ambiente / reciclagem, Cerâmica / Vidro, Geologia / Metalurgia, Matriais de construção, Química / Plásticos
Pressão máxima 40 t, prensa automática
Força de compressão 5 - 40 t (50 - 400 kN)
Tempo de elevação / permanência / decréscimo da compressão respectivamente 5 - 600 s
Combinações de parâmetros 32
Anéis de aço (diâmetro externo / interno) 51.5 mm / 35 mm
40 mm / 35 mm (max. pressure force 20 t)
40 mm / 32 mm
Vaso de alumínio (diâm. externo) 40 mm
Dados de conexão elétrica 220-230V, 50/60Hz
Conexão elétrica 1-phase
L x A x P 836 x 1220 x 780 mm
Peso líquido 345 kg
Normas e padrões CE

Please note:
*dependendo do material a processar e da configuração/ajuste do equipamento

Princípio de funcionamento

O anel de aço ou copo de alumínio é inserido na ferramenta de prensagem da PP 40 e preenchido com o material da amostra com ajuda de um funil. Em seguida o anel de aço é empurrado para baixo da placa de pressão, dando início à prensagem. Durante a pressurização, a densidade do pó aumenta. A pressurização no PP 40 pode ser ajustada de forma que o ar nos interstícios do pó original é comprimido para fora, aumentado a estabilidade da pastilha. A pressão máxima precisa ser mantida durante certo tempo para que as forças adesivas interparticulares se desenvolvam completamente, garantindo o máximo de estabilidade. 
A PP 40 permite pré-selecionar o tempo de permanência da pressão por até 600 segundos. Durante o processo de prensagem, o movimento axial das partículas dentro do anel de aço produz fricção que leva à formação de uma condição de tensão multiaxial. Por isso é importante diminuir a pressão de forma uniforme e constante, já que a despressurização abrupta poderia levar à destruição da pastilha. O tempo de diminuição de pressão do PP 40 pode ser ajustado de forma a garantir o alívio uniforme da tensão.

Sujeito a alterações técnicas e erros